Celta 2005: Under pressure! 

Texto: Vitor Giglio Fotos: Ricardo Kruppa

Lojista paulista foca em pressão total em sistema SPL de Celta, carro-show de sua empresa, que é também utilizado em campeonatos de som

Felipe Nanba é figurinha conhecida dos frequentadores dos campeonatos de som automotivo no país.

Proprietário de loja que leva o seu nome, o profissional, competidor e lojista, é um aficionado por pressão sonora, e desde 2009 se destaca nas categorias que valorizam a intensidade dos graves.

O mais novo projeto tocado por Felipe é o Celta 2005 que ilustra esta reportagem, propriedade de Ederson Matie, um de seus clientes, e que compartilha com ele esta paixão bastante específica.

Felipe conta que esta sonorização para dentro com bastante pressão, paredão interno e hair trick são especialidades de sua loja.

“Atualmente, 80% dos usuários ainda preferem som pra fora, mas este som com pressão interna está crescendo bastante”, revela.

Pressão específica

Felipe atualmente é competidor da categoria Bass Race, de SPL, especialmente nas entidades Velocidade Máxima e 101% Eventos.

Dentro desta categoria, ele integra o grupo que compete entre 140 e 149,9 decibéis. Na prática, cada competidor deve executar uma música por 30 segundos e, durante este tempo, precisa se manter dentro desta faixa pré-estabelecida, da maneira mais regular possível.

Para desenvolver um sistema com estas características no Celta, Felipe criou um projeto que tem como fonte de sinal um media receiver Pioneer.

Na cabine, ele utiliza nas portas médios de 6” da Sound Maker, sendo dois nas portas e dois nos pés. Além disso, as portas também abrigam um supertweeter da Oversound cada.

Atrás dos bancos, foi posicionada uma monstruosa caixa dutada de 580 litros, cujo duto retangular se encontra exatamente no centro da caixa. Ela abriga quatro subwoofers FB Audio de 15” e 1.600WRMS.

Na lateral da porta traseira direita, foi acomodado um amplificador estéreo, da Corzus, de quatro canais, sendo que dois amplificam os médios e os outros dois trabalham com o tweeter.

Power!

Já o porta-malas foi o espaço destinado para o bruto do sistema de áudio. Destaque para dois amplificadores Corzus, mono, de 10.000WRMS, além de uma fonte, da mesma marca, de 150A.

Sob eles foram posicionadas, em um barreamento de alumínio puro, cinco baterias EMG, de 135A. Todos os cabos que compõem o sistema são da Technoise.

Felipe conta que o ajuste para tocar em uma faixa pré-determinada durante as competições, é feita na própria loja, às vésperas de cada evento, mas que todos os equipamentos e componentes já se encontram no carro, e que durante uma competição, tudo o que ali existe é integralmente utilizado, nada fica de fora.

Para garantir que o carro possa ser utilizado também no dia-a-dia, ele recebeu uma suspensão preparada fixa com molas importadas, para suportar as centenas de quilos extras adquiridas com o equipamento de som. Rodas de 17” acompanham.

Mas nada que tire o brilho e o protagonismo dos graves contínuos que ele é capaz de gerar lá dentro. É, literalmente, de deixar os cabelos em pé.

Quem fez:

Felipe Nanba. Tel. (11) 2629-7983

https://www.facebook.com/felipenanba.com.br

Ficha técnica

Celta 2005

Som

Media receiver Pioneer

Médios de 6” Sound Maker

Supertweeters Oversound

Subwoofers FB Audio 15”

Amplificador Corzus quatro canais

Amplificadores Corzus 10.000 mono

Fonte Corzus 150A

Baterias EMG 135A

Cabos Technoise

*Matéria publicada na edição #207 da revista Car Stereo.