VW Golf Mk3 – Limpinho e  cheiroso

Com uma dose pesada de rebaixamento, uma colherada de cambagem e uma casca novinha em folha, o Mk3 de Kevin Geraert tem todos os ingredientes de um DUB matador!

Texto: Nick Turner
Fotos: Kevvebe
Tradução: Felipe Cassiaro

Às vezes, são as coisas simples que causam o maior impacto. Dê uma olhada no Golf Mk3 de Kevin Geraert, por exemplo. Olhe para a ficha técnica e você pode se surpreender ao notar que ela é relativamente curta! Dê um close no resultado final, no entanto, para um ataque de prazer aos olhos!

Kevin é um dubber de cabo a rabo e, como tantos outros, ele está preso à insígnia da Volkswagen desde o princípio. Para ele, a customização começou com um Golf Mk2 e, após isto, ele foi para o mais recente Mk3. Porém, o primeiro projeto teve vida curta, chegando a um fim abrupto quando Kevin o esmagou. Mas ele não é o tipo de cara que desiste fácil e não foi parado por uma simples batida.

Ele se reergueu, sacudiu a poeira e voltou a agitar as coisas. Outro Golf Mk3 foi rapidamente providenciado mas, desta vez, ele estava determinado a torná-lo maior e melhor que antes!

Esmeril de asfalto

Os mais baixos dos mais baixos dominam a cena no mundo dos VW›s e, a não ser que seu carro esteja destruindo as calçadas enquanto passeia pela rua, você está fazendo tudo errado! Kevin derrubou seu Mk3 fortemente usando um jogo de coilovers V-Maxx para levá-lo ao chão.

Com a altura resolvida, era hora de arrancar as velhas rodas vermelhas e arranjar algo mais apropriado. Em seus lugares estão rodas OZ Turbo de três partes. Kevin optou por pequenas 14 polegadas para ter certeza de que o carro ficaria baixo. Com muita largura e uma quantidade enorme de cambagem, o carro fica impressionante em movimento.

Com o Golf bonito, Kevin deu atenção ao bodywork clássico e focou em restaurá-lo à melhor condição. Nenhum Golf estaria completo sem uma boa dose de alisamento! O para-choque dianteiro, as asas e as faixas foram todos retirados de suas molduras para um acabamento clean. A dianteira é completada com uma grade preta brilhante e faróis pintados.

Mas a verdadeira obra de arte é mesmo a traseira! A tampa foi levemente estendida sobre os faróis para dar um look malvado e até mesmo a placa foi reduzida em altura, dando lugar a uma placa de aço que foi forjada no local. Combine isto com uma quantidade absurda de cambagem também na traseira e ele está no caminho para a vitória! Para terminar tudo, o carro foi coberto do capô à tampa traseira em uma tinta incrível em azul e verde.

Salada mista

O interior é uma verdadeira salada de componentes. Os assentos dianteiros são SEAT Ibiza›s, enquanto na parte de trás há um banco de Mitsubishi Evo 2. Também não acaba por aí. As maçanetas de couro foram resgatadas de um Mk3 VR6 e, acenando do fundo do carro, está uma gaiola totalmente polida.

Então, após algumas largadas queimadas, Kevin finalmente detonou com seu supermacio e derrubado Mk3! Curtiu?

Tuning e estilo

Faróis negros

Para-choque dianteiro alisado

Luzes e faixas removidas

Luzes traseiras vermelhas

Tampa estendida

Placa em aço

Performance

Coilovers V-Maxx

Rodas OZ Turbo 14»

Pneus Nankang 155/55

Interior

Assentos dianteiros SEAT Ibiza

Assento traseiro Mitsubishi Evo 2

Maçanetas de couro Mk3 VR6

Barra de rolagem

Volante americano

Som

Unidade central JVC

Subwoofer Infinity

Alto-falantes Sony

*Matéria publicada na edição #180 da revista Car Stereo.