Vendas passam dos 200 mil veículos em agosto

Texto: Redação Foto: ShutterStock

É o melhor mês em volume e com a maior média diária desde dezembro de 2015, segundo a Fenabrave

As vendas de veículos atingiram as 209,8 mil unidades em agosto, fazendo deste o melhor mês de 2017 até agora, segundo a Fenabrave.

É a primeira vez neste ano que os emplacamentos ultrapassam a casa das 200 mil unidades em um único mês. O melhor resultado mensal de vendas até então era o de maio, quando foram licenciados pouco mais de 190,1 mil carros.

Agosto também é o melhor mês de vendas desde dezembro de 2015, quando o setor registrou 220,6 mil veículos novos. O volume de vendas de agosto superou o de julho em 17,3%, com alta de 17,8% sobre agosto de 2016.

Além disso, a média diária também foi a melhor do ano até agora: foram licenciados 9.124 veículos em cada um dos 23 dias úteis do mês.

Em julho, a média de vendas foi de 8.515 unidades nos 21 dias úteis daquele mês. A última melhor média também foi a de dezembro de 2015, com a venda de 10.030 unidades por dia útil.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o resultado apurado em agosto é reflexo da percepção por parte de consumidores e investidores na melhoria da economia.

Ele cita fatores como a queda da taxa de juros e o nível decrescente do desemprego. Nesta mesma data, o IBGE divulgou que o PIB do segundo trimestre (de abril a junho) cresceu 0,2% sobre o primeiro trimestre e obteve alta de 0,3% sobre igual período do ano passado.

“As vendas diárias registraram um crescimento de 7,1% em agosto com relação ao mês anterior, o que reforça a confiança da entidade no crescimento destes segmentos para o ano de 2017”, afirma Alarico em nota.

O reforço de agosto deu ao acumulado do ano o total de 1,38 milhão de veículos, volume 5,8% maior que o apurado em igual período de 2016, quando os emplacamentos somaram 1,30 milhão.

Os automóveis chegaram a 1,18 milhão, alta de 6,7% no comparativo anual e participação de 51,7%, enquanto os comerciais leves atingiram as 199,7 mil unidades, leve aumento de 0,99%.